Resenha : Encanto Mortal - Sarah Cross

sábado, 18 de agosto de 2018








Sinopse:
O passado de Mirabelle está envolto em segredos, da morte trágica de seus pais às meias verdades de suas madrinhas sobre por que ela não pode voltar à sua cidade natal, Beau Rivage. Desesperada para conhecer melhor o local, Mira foge uma semana antes de completar dezesseis anos - e descobre um mundo que nunca poderia ter imaginado. Em Beau Rivage, nada é o que parece - nem mesmo a garota estranhamente pálida com um interesse mórbido em maçãs, o detestável playboy que age como uma fera com todos ao seu redor e o garoto gentil que tem um fraco por donzelas em perigo. Ali, histórias antigas são reencenadas, maldições são despertadas e contos de fadas se tornam reais.

Mas todo mundo sabe que fábulas nem sempre terminam com 'felizes para sempre'. Mira tem um papel a desempenhar, um destino a aceitar ou ao qual resistir. Enquanto se esforça para assumir o controle de sua vida, ela se sente atraída por dois garotos com suas próprias maldições... irmãos que compartilham um terrível segredo. E ela vai descobrir que o amor - assim como os contos de fadas - nem sempre acaba bem.

Título: Encanto Mortal
Título original: Kill me Softly
Autora: Sarah Cross
Editora: Verus
Ano: 2013
Skoob: Encanto Mortal
Citações: Encanto Mortal



Sarah Cross
O livro começa com Mira planejando fugir de casa para conhecer sua cidade natal, o lugar não só onde ela nasceu, mas onde seus pais morreram e para onde as madrinhas que a criaram a proibiram de ir. 


Em seguida, conhecemos Beau Rivage, uma cidade com múltiplas referências a contos de fadas. Uma boa parte de seus habitantes é amaldiçoada a cumprir um determinado papel em um determinado conto antigo. A maior parte dos amaldiçoados, obviamente, não gosta de ter um destino traçado e não ter como fugir dele. 


No começo da história, eu fiquei um pouco perdida com os personagens. Teve um momento em que vários foram apresentados muito perto um do outro, e eu, que já não tenho das melhores memórias para nomes, demorei um tanto para me situar. 


Sarah Cross, a autora, faz uma mistura não só de diversos contos, como de diferentes versões do mesmo conto (essa parte eu achei bem legal, foi a primeira releitura que eu vi isso acontecer). 


Fanart por Tetra-Zelda


Os personagens foram bem caracterizados, o que também é bem legal. Dá pra realmente ver uma personalidade diferente para cada um deles, e não aquela coisa: personagem principal + bolo homogêneo de secundários. Minha personagem preferida foi Layla, que apareceu pouco e faz parte de um dos contos que mais gosto (sem spoilers!). Eu quase torço para a história dela não ser escrita, porque realmente fiquei com dó da maldição dela. 



Já a Mira me irritava um pouco. Ok, bastante. A idade dela (15 anos) talvez explique um pouco a impetuosidade e a imprudência, mas eu queria dar umas boas chacoalhadas nela com frequência. O comportamento dela em relação a um determinado personagem para mim só daria para explicar por um feitiço, e não foi isso o que a autora deu a entender que aconteceu. 


No geral, a trama foi super bem construída, mas teve uma falha que me incomodou muito: difícil justificar o tempo que as madrinhas de Mira demoram a descobrir que ela fugiu de casa e para onde foi. 


Por fim, as versões creepy antigas são as que predominam no enredo, então temos vários diálogos, hum, baixos e algumas cenas respeitavelmente pesadas. Confesso que fui pulando alguns pedaços. Provavelmente tem quem me chamaria de conservadora (sou mesmo), mas eu não indicaria esse livro para uma prima de uns 14 anos. 

Outras histórias em Beau Rivage

Embora o livro deixe gancho para uma continuação, o segundo livro lançado sobre Beau Rivage, Tear You Apart (ainda não traduzido) conta a história de Viv (Branca de Neve), e parece que você não precisa ter lido Encanto Mortal para acompanhar a história.

Além disso, exitem três contos que se passam nesse lugar onde as várias versões dos contos de fadas se encontram: 

Ilustração de After the Ball de Oona Pohjolainen

- After the Ball ("Depois do Baile", em tradução livre), uma história de Cinderela, gratuita no site da autora, mas ainda não traduzida.

- Three Nights, Twelve Princesses, One Curse ("Três Noites, Doze Princesas, Uma Maldição", em tradução livre), uma história das doze princesas bailarinas, também gratuita no site da autora, mas ainda não traduzida.

Twin Roses ("Rosas Gêmeas, em tradução livre), uma história de Branca de Neve e Rosa Vermelha. O link para comprar essa história, você encontra no site da autora. 






Vocês já leram Encanto Mortal? O que acharam? Gostaram de Mira mais do que eu, rsrsr? 


P.S. Informações para fazer essa postagem vieram de:
- Foto Sara Cross

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...